Equipa

Coordenação Científica

Mário Boieiro

Investigador nas áreas da biodiversidade, interações ecológicas e conservação de artrópodes terrestres na Universidade dos Açores, estando integrado no Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais (cE3c) e no Grupo da Biodiversidade dos Açores (GBA). Desde 1997 que contribui para o melhor conhecimento da diversidade, distribuição, ecologia e conservação de espécies deste grupo de animais. É membro do grupo de especialistas da União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) em invertebrados das ilhas atlânticas (MAIISG), tendo nesse contexto contribuído para a avaliação do estatuto de conservação de várias espécies de artrópodes terrestres. artrópodes terrestres.

Coordenação Executiva

Carla Rego

Doutorada pela Universidade de Lisboa, está integrada no Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais (cE3C) da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. É vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Entomologia (SPEN), membro do grupo de especialistas da União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) em invertebrados das ilhas atlânticas (MAIISG) e integra o projeto vaca-loura.pt. A sua área de atividade é o estudo da biodiversidade e conservação de artrópodes terrestres.

Coordenação Insecta

Patrícia Garcia Pereira

Doutorada pela Universidade de Madrid, membro do grupo Conservation in Socio-Ecological Systems – CSES Socio-Ecological Research do Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais (cE3c). Presidente do TAGIS – Centro de Conservação das Borboletas de Portugal. Coordenadora do projeto Rede de Estações da Biodiversidade. A equipa envolvida no estudo dos insetos envolve uma grande quantidade de especialistas em diferentes grupos taxonómicos, nomeadamente os investigadores Albano Soares, Amália Oliveira, Ana Rita Gonçalves, Andreia Penado, Andreia Valente, António Bívar de Sousa, Artur Serrano, Carlos Aguiar, Clara Wendt, Cristina Rufino, Daniel Oliveira, Eva Monteiro, Francisco Barros, Gonçalo Costa, João Gonçalo Soutinho, José Alberto Quartau, José Manuel Grosso-Silva, Luís Filipe Lopes, Luís Mendes, Martin Corley, Paula Simões, Pedro Pires, Raquel Mendes, Renata Santos, Ricardo Costa, Ricardo Silva, Rita Azedo, Rui Andrade, Rui Félix, Sandra Antunes, Sílvia Pina, Sónia Ferreira, Tatiana Moreira, Vera Nunes e Vera Zina. Mais recentemente integraram a equipa os colaboradores Ana Lima, Juan Fariñas, Patrícia Nascimento, Ricardo Ramirez e Sam Martins.

Coordenação Araneae

Pedro Cardoso

Professor Associado da Universidade de Helsínquia e investigador do Museu de História Natural de Helsínquia, onde é responsável pelas coleções de aracnídeos, miriápodes e moluscos terrestres. Fundador e responsável pelo grupo de especialistas em aranhas e escorpiões da União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) e coordenador do Laboratório para a Investigação integrada da Biodiversidade (LIBRe). A equipa dedicada à avaliação do estatuto de conservação das espécies de aranhas selecionadas inclui ainda o investigador Vasco Branco, membro do Laboratório para a Investigação integrada da Biodiversidade (LIBRe), e que realiza a sua tese na temática da conservação das aranhas de Portugal Continental.

Coordenação Mollusca

Joaquim Manuel Cardoso Reis

Licenciado em Biologia aplicada aos Recursos Animais pela Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e doutorado em Biologia da Conservação pela Universidade de Lisboa, tendo defendido em 2010 a tese: “Biologia, ecologia e conservação de Unio tumidiformis Castro, 1885 (Bivalvia: Unionidae) no sudoeste da Península Ibérica”. Tem participado nos últimos 18 anos em inúmeros projectos de investigação e consultoria relacionados com os bivalves de água doce, entre os quais se destaca a coordenação do Atlas dos Bivalves de água doce de Portugal Continental. É Presidente da Direcção do Instituto Português de Malacologia desde 2009. A equipa dedicada ao estudo dos moluscos apresenta dois grupos de especialistas. Integram o grupo de especialistas em bivalves os investigadores Amílcar Teixaira, Elsa Roufe, Filipe Banha, Mafalda Gama, Manuel Lopes-Lima, Pedro Anastácio, Ronaldo Sousa e Simone Varandas. Já o grupo de especialistas em gastrópodes é composto pelos investigadores António Frias Martins, David Holyoak, Emilio Carral Vilariño, Gonçalo Calado e Teresa Rodríguez.

Coordenação Crustacea

Maria José Caramujo

Doutorada pela Universidade de Lisboa (1999) na área da ecologia aquática. Desenvolveu estudos nas áreas de biodiversidade de crustáceos e transferência de nutrientes (energia) em teias tróficas aquáticas. É membro do Grupo dedicado à Conservação em Ecossistemas Socio-Ecológicos (CSES) do Centro de Ecologia Evolução e Alterações Climáticas (cE3c). Os seus interesses incluem ecologia de copépodes e estudo e conservação de crustáceos de Charcos Temporários Mediterrâneos e outros ecossistemas aquáticos continentais. A equipa dedicada aos estudos de crustáceos inclui os investigadores especialistas nos grupos de Grandes Branquiópodes Margarida Machado e Margarida Cristo, ambas investigadoras do CCMAR e Luís Cancela da Fonseca, investigador do MARE.